s Signinum - Prémio Vilalva para o restauro da Igreja e Torre dos Clérigos

Prémio Vilalva para o restauro da Igreja e Torre dos Clérigos

Escrito por Diário de Notícias | 13 de Setembro 2016

"INTERVENÇÃO NO RESTAURO DA IGREJA E TORRE DOS CLÉRIGOS FOI DISTINGUIDA COM O PRÉMIO, DA FUNDAÇÃO GULBENKIAN, VASCO VILALVA 2015"

"A intervenção aconteceu por ocasião da comemoração dos 250 anos da construção da torre. Para serem restauradas, foi necessário um investimento de três milhões de euros, financiado pelo Programa Operacional Regional e pelo Programa Jessica. Graças a este financiamento, foram recuperados órgãos, sanefas, púlpitos, varandins e outros elementos estéticos."

"Foi unânime a decisão de Dalila Rodrigues, António Lamas, José Pedro Martins Barata, José Sarmento de Matos e Rui Esgaio, os júris. Segundo a Gulbenkian, estes mostraram-se de acordo na decisão final, dando importância ao "respeito pela integridade física dos sistemas construtivos existentes, preservados e restaurados com recurso a técnicas tradicionais, as adequadas metodologias de conservação e restauro do património artístico integrado."

"A criação das infra estruturas necessárias para um bom funcionamento e longa vida da Igreja e da Torre pesaram na decisão do júri: "além da possibilidade de uma fruição plena pelos diversos públicos, as obras realizadas dão a este conjunto patrimonial o lugar devido no processo de enriquecimento e desenvolvimento cultural e turístico da cidade do Porto".

"A Torre e a Igreja foram considerados monumentos nacionais em 1910 e são propriedade da Irmandade dos Clérigos. Estes monumentos barrocos (bastante sentidos na cidade do Porto) foram construídos pelo arquiteto italiano Nicolau Nasoni, em 1763."

"O Presidente da Irmandade, Padre Américo Aguiar, dedicou o prémio "aos trabalhadores que edificaram a Igreja e Torre dos Clérigos, das mais diversas áreas e competências, capazes de transformar os desenhos do artista [o arquiteto Nicolau Nasoni] em edifícios extraordinários, que ainda hoje são motivo de júbilo por parte de todos os que os visitam". "Continuamos a ser abençoados por excelentes trabalhadores, empenhados e competentes", sublinha o Presidente."

"O Prémio Vasco Vilalva nasceu há 9 anos e é em honra de Vasco Vilalva, um mecenas que fez um trabalho significativo no que toca à recuperação, restauro e valorização do património português. Graças à existência deste homem e à criação deste prémio, é encorajada a preservação e reconquista de bens móveis e imóveis de valor cultural.”